Terapia Expressiva no HUAP, um Programa premiado pelo MEC

A Terapia Expressiva é a modalidade de cuidado que utiliza práticas diversas como pintura, desenho, costura, colagem, teatro, música, literatura e afins com finalidades terapêuticas. As atividades com os pacientes se dirigem à promoção da auto-estima, conexão com a fé e a criatividade, que geralmente são abaladas perante enfermidades graves.

A equipe é formada pela idealizadora, supervisora e ministrante do Programa Denise Vianna, e a coordenadora do mesmo, Anna Alice Schroeder, ambas tem  sua experiência prática no Núcleo de Atenção Oncológica do HUAP, na ação “Infusão de vida” e também participam do projeto arteterapeutas voluntárias qualificadas pelos Cursos de Extensão em Arteterapia da UFF, coordenado por Denise Vianna, e bolsistas estudantes de Medicina do terceiro período.

O Programa compreende várias ações, cuja principal é o curso de Extensão-PROEX “Curso Cuidar de Si com Arte”, que teve início em março de 2011. “Terapia Expressiva como veículo de Cuidado Integral no Hospital Universitário Antonio Pedro”, o TECI-HUAP, inserido no Departamento de Saúde da Sociedade da UFF, foi um dos Programas de Saúde premiados pelo MEC a nível nacional no PROEXT-2011.

Seus 30 alunos são em sua maioria multiprofissionais da área de saúde do HUAP, e tem como objetivos oferecer ao profissional um espaço para cuidar de si,  adquirindo melhores condições para cuidar do outro, conexão com o ideal de sua profissão e a promoção da integralidade da atividade profissional e do hospital na reconstituição da noção da equipe voltada para o cuidado comum, buscando soluções para os problemas dos pacientes, como a perda da dignidade e autonomia sob os protocolos diagnósticos e terapêuticos.

A inclusão do ensino ao profissional de saúde no Hospital Geral da prática do cuidado por meio do material expressivo como contingente terapêutico é atitude pioneira no HUAP. “Pensamos que esta proposta poderá ser um modelo passível de ser implantado futuramente no currículo multiprofissional” declarou Denise Vianna. O programa tem como proposta a integralidade, com o intuito de estender o olhar à família, profissional de saúde e sociedade.

Além disso,  a terapia expressiva promove uma  ação com o mesmo intuito e bem dinâmica é  “O HUAP vai dançar!”, a roda de danças circulares realizada todas as quintas-feiras, às 17 horas, no saguão do HUAP pela professora Luciana Ostetto, onde todos podem relaxar, se divertir e participar de uma atividade meditativa.